alwyn hamilton a rebelde do deserto

Entrevista: Alwyn Hamilton, autora de A Rebelde do Deserto!

Alwyn Hamilton, autora de A Rebelde do Deserto, respondeu nossas perguntas!

alwyn hamilton a rebelde do deserto

Rebelião, magia, poder feminino. Há tudo isso e muito mais na obra A Rebelde do Deserto, da canadense Alwyn Hamilton.

leia nossa resenha!

 Aproveitamos o lançamento do segundo livro para fazer algumas perguntas à autora. Ela nos contou como surgiu a ideia do primeiro livro, quantos livros terá a série, hobbies, inspirações… E mais!

Confira!

1- Olá, seja-bem vinda! Aqui as pessoas te conhecem como a autora de A Rebelde do Deserto. O que mais você pode nos contar sobre você?

Oi! Muito obrigado por me receber. Um pouco sobre mim: sou um pouco de todos os lugares. Nasci no Canadá, mas cresci na França, e morei no Reino Unido nos últimos 10 anos. Estudei História da Arte e trabalhei em uma casa de leilões. Mas agora eu escrevo em tempo integral.

2- Como começou sua vontade de escrever?

Eu escrevo há muito tempo. A primeira coisa que eu escrevi foi quando eu tinha seis anos, era uma história chamada “The Tangle Monster”, sobre uma criatura que veio à noite e enrolou o cabelo das meninas. Veio a mim porque eu tinha o cabelo muito longo como uma criança que teve uma tendência a começar a fazer nós com linhas quando eu dormi e me causou muita agonia.

Eu tenho escrito desde então. Isso me levaria para o começo dos meus 20 anos e realmente terminar um livro.

3- Como surgiu A Rebelde do Deserto? Por quê escrever sobre magia no deserto?

A Rebelde do Deserto começou porque eu estava lendo um artigo sobre personagens femininas como heróis de ação. Eles estavam argumentando que as meninas não deveriam ser lançadas como lutadoras em livros e filmes porque as meninas não são tão fisicamente fortes quanto os homens, então elas não podem usar armas da mesma maneira. Isso é ridículo, então eu decidi escrever sobre uma garota que usava uma arma que não precisava de força, apenas habilidade, uma garota com uma arma.

Ela claramente pertencia a um ocidente, mas eu não queria escrever um ocidente histórico. Eu estava deitada, acordada tarde da noite, tentando descobrir que tipo de torção eu poderia colocar no oeste para torná-lo mais interessante e de repente me surpreendeu, eu poderia combiná-lo com 1001 noites. Acho que isso ocorreu-me porque eu estava trabalhando na arte islâmica na época.

4- Você acha que Amani representa esperança para as pessoas?

Eu adoraria que Amani inspirasse as pessoas. Eu acho que ela certamente tem suas falhas, especialmente no início do livro. Mas desde que eu a criei como uma resposta feminista a um sexismo particularmente estúpido, eu certamente espero que ela possa ser um exemplo a esse respeito.

[se você não leu A Rebelde do Deserto, pule esta pergunta!]

5- Você pode nos contar algo sobre a sequência de A Rebelde do Deserto? Quantos livros terá a série?

A série será uma trilogia, 3 livros no total. A Traidora do Trono pega cerca de 6 meses após o final de A Rebelde do Deserto. Amani começou a se instalar na rebelião, então as coisas ficam horrivelmente erradas e os rebeldes têm que fugir de seu esconderijo. Amani acaba capturada na fuga e é levada prisioneira no palácio do Sultão, onde se torna uma espiã, enquanto tenta não ser morta.

6- Alwyn, você tem um personagem favorito?

Eu realmente amei escrever Sam, que é um novo personagem em A Traidora do Trono. Ele é um soldado que tem o poder de andar através das paredes e ajuda Amani a passar informações para fora do palácio. Ele também é grande alívio cômico, por isso foi bom poder virar para ele quando as coisas ficaram muito sérias.

7- Tenho certeza que você influencia pessoas ao redor do mundo com suas palavras. Há alguém que te influencia?

Eu fui influenciada extremamente por muitos dos autores que eu li quando eu era adolescente. Tamora Pierce foi uma enorme influência sobre mim como uma jovem leitora, assim como Robin McKinley e Gail Carson Levine.

8- Você tem algum hobbie? 

Eu amo Brooklyn 9-9! É minha saída quando eu estou triste ou estressada. Eu também estou obcecada recentemente com Riverdale, no CW. Eu assisto muitas séries…

Eu cozinho muito como um hobby. Nada me faz sentir mais calma do que assar e eu faço um cupcake de chocolate surpreendente. Mas eu também não cozinho tanto desde que eu deixei meu trabalho, porque eu não posso mais levar meus produtos assados no escritório.

Eu costumava nadar muito também, mas eu sou ruim em fazer isso regularmente. Também quero muito aprender a consertar carros, embora eu não dirija.

9- Você já esteve no Brasil? Pensa em visitar seus fãs daqui?

Eu nunca fui ao Brasil, infelizmente! O mais próximo que já fui (geograficamente) foi a Argentina. Mas eu adoraria visitar o Brasil algum dia!

10- Por último, qual a sua dica para escritores iniciantes?

Muitas! Mas para iniciantes eu diria para não se compararem aos livros publicados. Todos os autores que você vê nas prateleiras passaram anos escrevendo palavras que você nunca viu, praticando, antes de ter um livro publicado. Você precisa praticar também!

—-

Muito obrigada, Alwyn! Ela é incrível, não é?! A Rebelde do Deserto e A Traidora do Trono estão a venda nas livrarias.

comments

Amante de Sherlock Holmes e viagem no tempo, de vez em quando grava uns vídeos para o youtube.

17 Comments

  1. Olá, ainda não li o livro mas não foi por falta de oportunidade. A autora parece ser bem simpática gostei muito da entrevista.

    • Oi, Camila! Muito obrigada ♥
      Leia assim que puder. Vale MUITO a pena!

  2. Amei! Vou comprar o livro e ler, me interessei bastante. 💛💛

    Parabéns, Flah, está evoluindo cada vez mais! Torço para que você chegue longe 💘

    • Muito obrigada, Mike ♥♥
      Espero que goste da leitura <333


  3. Que entrevista mais amorzinho ♥♥♥
    Acho incrível quando os autores respondem entrevistas :)
    Eu nunca li A Rebelde do Deserto, mas foi muito bom conhecer mais sobre a autora ♥
    Adorei.
    ótima terça
    bjo

  4. Eu tô com os dois livros para ler já faz um tempinho, mas sempre fico adiando por falta de lugar na estante aiueiauhe. Adorei a entrevista, a autora é bem segura de si e transmitiu isso nas respostas ♥ Achei a ideia dela muito bacana, de pegar um estereótipo estúpido e transformar em um exemplo a ser seguido para calar a boca de muita gente que acha que mulher não tem força nem coragem. É incrível estar vivenciando momentos assim, né? E quanto aos escritores, eu concordo muito. Comparação aos livros publicados sempre gera uma decepção. A parte bacana é ter unicidade.

  5. Que entrevista maravilhosa, esta autora aparenta ser tão gentil e do mundo girl power, adorei. Fiquei curiosa sobre o livro, quem sabe eu compre hehe!

    Um beijo

  6. Amei a entrevista!

  7. quando eu li "poder feminino" já fiquei afim de ler o livro! acho muito bacana escritoras que empoderam através da escrita <3 adorei a entrevista, ficou muito bem feita!

  8. Ainda não conhecia nem o livro e nem a autora, mas é muito bom conhecer os dois juntos! Instiga ainda mais a leitura do livro. Ainda mais quando a autora parece ser um amorzinho!!!

  9. Que bacana essa entrevista, é tão bom quando conhecemos o ponto de vista dos escritores de livros no qual admiramos né? Adorei. Parece ser um ótimo livro. ❤️

  10. Oie, tudo bem? Que entrevista mais legal. Confesso que ainda não conhecia nem o livro e nem a autora, mas pela entrevista ela parece ser incrível. Gostei muito do enredo do livro e fiquei curiosa para lê-lo. Uma pena a autora ainda não ter vindo para o Brasil, poderia vir na Bienal. Beijos, Érika ^^

  11. Que incrível poder entrevistar uma autora assim :D ainda não li o livro dela, mas já li a sinopse e ela me deixou muito curiosa. Adoro histórias de magia e tudo mais! Adoraria poder ter a chance de conversar com ela, que tem uma trajetória muito legal (quantos lugares que ela morou *.*)

  12. Eu já queria ler esse livro por ter essa capa maravilhosa e porque booktubers que gosto bastante indicaram. Agora que descobri que ele fala sobre magia e poder feminino, vou querer ler pra ontem, haha
    Muito legal a sua entrevista, parabéns. Muito bom mesmo o post :)
    Beijo!

    Sorriso Espontâneo

  13. Amei a entrevista! ❤
    Não li o livro ainda,mas já estou doida para ler. Parece ser ótimo e a autora é muito simpática!

  14. Alguém já sabe qdo será lançado o último volume? Já li o 1º e estou acabando o 2º , doida pra ler o 3º. Tomara que saia ainda esse ano. Será que já tem alguma previsão? Grata Selma

    • Oi, Selma! Tudo bem?
      Ainda não temos previsão para o 3º livro, mas assim que soubermos avisaremos em todas as redes sociais e aqui no site também! :(

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *