Situações que todo leitor já enfrentou!

De leitor para leitor.

O livro acabou de chegar. *pausa para cheirá-lo* Ele é maravilhoso. *pausa para encontrar uma posição confortável para ler* O personagem favorito morre. E você não tem tempo para ler todos os livros que deseja.

Todo leitor já passou por alguma situação em que achou ser o único.

Você já chorou ao ver seu personagem favorito morrer?  Você já comprou um livro e, no dia seguinte, constatou que o preço estava pela metade do que você pagou? Você já se indignou com uma adaptação para o cinema/tv que não deu certo?

Acredite, você não é o único.

Pensando em você, elaboramos esse post com algumas situações que leitores passam todos os dias. Está preparado?

O jogo começou!*

Só vou ler mais um capítulo

Provavelmente você já disse isso. “Já vou, tia. Só mais um capítulo”, você disse. Três horas depois e você continua lendo. Talvez você até tenha lido mais de um livro quando disse que leria só mais um capítulo. Acontece, né?

 

Se descabelar com a morte literária

Poxa. As pessoas precisam morrer na ficção também? E, como se as mortes de personagens secundários não bastassem, o seu personagem favorito tem que morrer também. #Chateado

 

Terminar um livro muito bom

Você pode sair da história, mas a história não sairá de você. Sabe aquele livro maravilhoso, que te deixou sem dormir e sem comer? Pois é, ele acabou. E você não sabe como continuar sua vida.

Nós também não sabemos.

 

Contar ao crush que gosta de ler e…

Aquele momento em que todo mundo já sabe do seu amor (isso quando ele não é por um personagem, certo?), menos o seu amor, e você conta a ele que gosta de ler. O que ele responde?

– Ler? Ah, eu não curto muito não. Prefiro o filme, sabe?

*coração partido*

A pior parte é ter que contar as amigas, aos amigos, a tia da cantina, ao moço da feira e a todo o resto do seu ciclo de amigos-conhecidos que o crush não é mais seu crush. #Trágico

 

Fingir que sumiu para não emprestar um livro

Evaporar, aparatar, fingir-se de morto. Vale tudo na hora de não emprestar aquele livro. Poxa, você acabou de comprar aquela bela coleção. Seria uma pena emprestá-la, não é? Talvez ela não volte…

 

 Encontrar sua alma-gêmea literária…

… E constatar que ela mora em um mundo fictício. Ele(a) é forte, corajoso(a), encantador(a) e… não existe. Não para todos, pelo menos. Nunca diga a um leitor que o personagem é apenas um personagem. Isso não vai funcionar.

 Eu o amo e irei continuar amando-o.

Fofoca literária

Espalhar para o bairro todo, para todos os alunas da classe e para todos os colegas de trabalho que aquele livro é maravilhoso. Todo mundo, em qualquer lugar, irá se lembrar de você quando olhar a capa do livro. Fazer o que? Ele é maravilhoso. Deve ser lido mesmo.

 É uma fofoca do bem, tá?

 

Esperar ansiosamente por uma encomenda e surtar quando ela chegar

Foi-se o tempo em que os cachorros esperavam o carteiro para latir para ele. Hoje, quem aguarda o carteiro é você. Leitor. Viciado em livros que não aguenta esperar mais um minuto para receber a encomenda.

Ah, sr. Carteiro, e não diga que não avisamos, tape os ouvidos quando entregar sua encomenda. Belas edições de colecionador podem gerar surtos com direitos a gritos.

E se você não estiver satisfeito com essas situações, temos algumas reações de leitores que podem vir a calhar.

 

*Se você pegou a referência, sentimos muito.

Amante de Sherlock Holmes e viagem no tempo, de vez em quando grava uns vídeos para o youtube.

comments

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *